Planetária eletricamente Visionária

Deixe um comentário

Capturar 1

[YIN 35]

“Agora, sempre, presente, pra ela, comercial da relíquia que leva a luz.”
“Decifrou-se o enigma individual, com elementos gravados nos punhos. Já se foi ao futuro o uso dos chips em mãos planetárias.”
“O abuso da matemática cósmica tornou-se mecânica; inteligencias artificiais em cada sentido sensorial humano banalizados; nem a visão ampla fora admirada; até as águias estão sendo manipuladas. Mudanças, extra são as climáticas; os seres mudam a todo milésimo de tempo; entre esses milésimos estagnou-se um equilíbrio perfeito; ao pico do conforto e prazer merecido; e esse não é nada artificial, muito menos um elétron mental. Fenomenal escolha de existência em quantuns telepáticos ocultos e guias.”

“Sentimental.”
“Mas, felizmente e/ou infelizmente os sentimentos banalizados pela cura com matéria escura, tornou-se alimento de fótons justos catalíticos, envoltos de bolhas, protegidas por quadridimensionais ancestrais, quase os limites de onde ela pode alcançar.
Pois bem, ELA é eletricamente visionaria; e todo poder contido em cada molécula ao redor da áurea dela, está sendo agora reprimido; por opiniões arcaicas (dos espelhos); de que os códigos contidos no tempo, não ajudam em quase nada da real realidade, em que ELA está inserida.”

“Você está sendo enganada levemente”.
Fora o melhor texto gravado na unidade de consciência, revista agora. Antes porém, está verdadeiro, os anúncios com perspicácia de comerciais – Ela continua revendo a mensagem:
“Crie você também uma mente superior coletiva”
– ELA visualizou todas mensagens, leu e riu duas vezes dessa última, e, teve uma visão ampla, novamente, sobre o assunto.
“Seja você também uma representante da esfera absoluta dos guerreiros em seu planeta”
– Depois desse ultimo anúncio, desligou-se sozinho o Holopulsolar Individual (articulada pelo punho esquerdo); e com ousadia elétrica, ELA resolveu voar longe da tantas palavras cheia de códigos, só pra relaxar, solitária e soberba, recebeu outras (cuidadosas) mensagens destas, mas refletiu no melhor momento pra atende-las.
Voando, deixou a mente superior, apenas, pensar…

Criadora Lunarmente Solar

Deixe um comentário

Socos nos melhores quantuns telepáticos. – Viu outro elétron mental passar ao redor da manipura?

Perguntou Helaúnica quando/ em modo nutricional dragoniuda, enquanto levava o almoço até o próprio inicio de conforto do leito; escondeu a primeira opção abundante de alimento e foi farejar outros sabores vermelhos.

Ao redor do reinado vermelho marciano, muitos alimentos dualisticos se matelializam com extrema estranhesa, como se fosse oxigenio e hidrogênio na terra. Sabe?/ “Por aqui é fácil assim” – Dizia Helá consumindo pensamentos, e claro, com princípios criadores de purificação, das partes que continham elétrons nêutrons mentais.

– “Delisiosos”- exclamava com felicidade plena Helaúnica.

Tudo isso no pólo norte marciano. Uma cena única e nada estranha pra ELA.

Manipura. Plexo Solar.

Pensava enquanto se alimentava com deselegancia – naquele tempo apenas na ordem oposta à sincronica. Opção! Infelizmente ela sabe muito bem, que é apenas uma Humanóide Canina em terras vermelhas, povoadas por civilizantes, em MARTE.

Observando enquanto se alimentava, o Castelo Branco, ao longe, em outro holograma fractais, passeando pelo ar. Cortejada pela elegante e antípoda transformação, desejava um ciclo novo de expansão harmônica. ou Vinais Urânicas… Terra em abundância.

Câmara fria integrada ao passado V.2

Deixe um comentário

Capturar galatico solar posso almoçar bom dia sem caféEm analfas iluminadas de um silêncio vital, depois de integrar todo multiverso verde1jaiano possível, a única criança da nave se viu com grandes extra-habilidades mentais, sozinha, dentro de uma camara fria; tremulando falanges ainda, imagine; que comandou o próprio espírito pra ir até a grande longiniana nascente do fogo universal, buscar a essência de luz neural, que poderia, literalmente, elevar a temperatura, enquanto mentalizava o reflexo que encontrou no amor à vida. Com elegante maestria eletro mental o espírito voltou térmico e superlumínico, cheio de nobreza e pensando nos milésimos de segundos sirianos abraçou bem forte e por longos ciclos individuais a criança. Incorporados então, enfim, em um só núcleo finalmente, eles tiveram unidade de consciência do quanto precisavam compartilhar aquele conhecimento encontrado. A beleza da inocência da criança, potencializada com a arte em dar à luz do espírito, resultou em uma nobreza enorme e desconhecida, criadora. Okuka parou de tremer com o frio, equalizou harmoniosamente o cardíaco, absorveu a baixa temperatura, fechou dois olhos, abriu o terceiro, mentalizou repetidamente “iiiiiiiiiii” e desenvolveu as etapas em que continuaria os ciclos meditativos. Continuou imóvel refletindo no nada da essencial do tudo em que se viu.

Não estou sentindo a presença dele! – Exclamou em surtos comandandados; Kolinson pra Depressive, citando que a criança incrivelmente ainda estava na quadridimensional câmara fria.

– Depressive se dividia em bilhões de partes reflexivas pra atender e entender os chamados comandados de Kolinson e responder as questões fundamentais contidas do pedágio inteligente, na entrada do campo eletromagnético polar, em plutão.

– Kolin, relaxe e respire, pois a criança, está muito bem, vejo ele na área sul da nave, sinto todos os sensores corporais ao redor dele ainda ligados, e parece que ele apenas iniciou a integração com o universo. Só com um universo. Pelas probabilidades, existe uma possibilidade de que ele ira demorar alguns ciclos contínuos.

Ok Depressive, então… – pensativo sorrisono finalmente Kolinson despertou pra responder – Mas se você estiver em teu libre arbitrio artificial benéfico, direcione ele um pouco prass bandas das galáxias do norte com luz, se não ele vai se perder na imensidão imensa…

Mensagem Elétrica aberta ao passado

Deixe um comentário

CapturarEmissores: Ruídos Cósmicos Nojazianos
Canal: Digitos neste blog atráves de 10 chips Solares (* Nomear em outra dimensão)

“Kolison! Escute com atenção. Eletricamente jamais perca teu foco com os ruídos laríngeos enquanto estiver meditando. Observe inicialmente que o conhecimento e a compreensão que deseja alcançar para criar uma mente superior coletiva, você irá adquirir, de forma vidente, pelas longas vigílias dentro de quadridimensionais únicas das escadas até o próximo plano gravitacional, e , abaixo das coordenadas inconscientes. Assim poderás armazenar as melhores visões e a fonte de poder visionária, para que nosso futuro aprenda de uma vez por todas os principais segredos Verde1jaianos – e que esse futuro utilize de forma extremamente benéfica o que fora aprendido de acordo com nossas necessidades. OK!
Continue com uma daquelas simulações sobrevoando o incrível campo ressonante bio-psíquico Jupiterniano. Essas simulações decifraram outros segredos do tempo e outros poderes no espaço, além de continuar desenvolvendo tua visão ampla da essencia das coisas, dos multiversos e tudo mais. Portanto, tenha cuidadosamente a consciencia que tua mente no agora sempre presente se abre pra inúmeras dimensões do tempo, através do hiperrispaço multiversado. Tenha também sempre a positiva consciência planetária, em todo planeta que pousar, principalmente quando perceber que tú não és o primeiro, nem o ultimo a receber essa habilidade cósmica. Por último, mas não menos importante: Lembre-se solitário, com carinho, da tua família polar, que te aceita mesmo você sendo um grutesco fanfarão azul transformador. Seja enfim valente e assuma logo os teus criptogramas feitos ousadamente no passado.”